quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Um Texto Sobre: Desapego e Gratidão!

Oi gente, tudo bem?
A postagem de hoje vai ser diferente! De início costumava publicar muitos textos de opiniões no Blog, como perdi esta rotina, decidi voltar ao começo, escrever um texto sobre dois temas que tenho refletido muito nesses últimos dias, Gratidão e Desapego. Recentemente comecei a ler muito sobre esses temas na internet, desde textos curtos e singelos até grandes com perspectivas, foi então que parei e decidi pensar nesses conceitos para minha vida! 
Desapegar, não querer mais aquilo? Jogar fora? Viver sem! Não sei com você irá interpretar essa palavra, mais já adianto, não é algo tão ruim quanto parece e não precisa se assustar! Já faz um tempo que que li uma matéria em uma revista discutindo sobre a dependência que o ser humano cria em cima de determinadas coisas podendo ser objetos ou pessoas. Isso é bom ou ruim? Infelizmente eu não sei te dizer, apenas afirmo que objetos nem sempre duram para sempre, e pessoas também não são eternas! :/ Porque eu estou falando isso? Simples, devemos nos apegar a coisas não materiais, aquelas boas lembranças sabe? De momentos felizes, parar de depender do dinheiro para ser feliz! Eu até posso concordar com a frase: "Dinheiro não traz felicidade!Mas compra coisas como uma viajem que me deixaria muito feliz!" Pois quem nunca disse isso alguém? Enfim, eu queria dizer que felicidade é algo "bipolar'' as vezes para ser feliz precisamos tomar decisões complicadas, caminhos difíceis ou até passar por provas complicadas, mas depois você vai ver que, Valeu a pena! Desapegar, assim é minha forma de interpretação da palavra!
Você é grato? Grato pelo que Lukas? Grato por estar perto das pessoas que você ama, que querem sempre seu bem, grato pelo simples ato de viver, pois já parou para pensar que as vezes estamos naquele dia horrível que tudo que a gente quer é sumir, então! Pode ter uma outra pessoa em algum lugar no mundo, querendo viver apenas mais um dia! Isso pode soar tanto dramático, mais não é! Então, eu peço á vocês, vamos agradecer por cada dia, cada sorriso e cada abraço! Afinal o que temos a perder?
*---*
Bom gente, espero que vocês tenham gostado, o texto foi escrito com muito carinho! Em breve irei publicar outros aqui no blog, pois tenho escrito muitos textos ultimamente! Me contem nos comentários o que vocês acharam, um abraço enorme e Thauzinho!
Facebook  Instagram  Tumblr  Twitter  Flickr  You Tube We Heart It ♡ Fã Page do Blog

10 comentários:

  1. Desapego e gratidão são as duas coisas que pretendo praticar em 2016! <3

    ResponderExcluir
  2. que texto lindo♥
    leitorafalida.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Sarah, fico feliz que gostou!
      Um beijo! ♥

      Excluir
  3. Desapego e gratidão é algo que todos deveriam praticar. Às vezes vivemos apegados demais com coisas materiais, que sabemos que mais cedo ou mais tarde vão se perder e nos deixar mal por causa disso, e esquecemos de nos apegar aquelas lembranças que nos fazem bem. Assim como também esquecemos de viver um dia de cada vez e agradecer por tudo e todos que temos ao nosso redor. Enfim, gostei muito do seu texto :)
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Andressa, concordo plenamente com você!
      Ah e isso de viver um dia de cada vez é algo que merecia ser citado!
      Fico muito feliz, amei o comentário!
      Um beijoo! ♥

      Excluir
  4. Lukas, eu gosto muito de textos assim reflexivos. E o seu está excelente!
    Vou aproveitar que tem uma pitada de felicidade aí no texto para indicar um documentário que assisti a um tempo atrás.
    Happy - caso se interesse, procura lá no vimeo.
    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, que saudades! *--*
      Claro, muito obrigado pela indicação, irei aproveitar meu tempo livre hoje para assistir!
      Um beijo! :D

      Excluir
  5. Sou defensor do desapego há um tempão e acredito que seja algo bom. Você não precisa ser um babaca para desapegar, apenas não se sobrecarregue de coisas fúteis.

    Levo comigo o que importa. Acho a vida tão curta e o que passou, passou. Não fico remoendo o passado porque eu não posso fazer nada para mudá-lo. Tento não criar raízes porque, sério, experiencia própria pessoas e coisas vêm e vão com muita facilidade.


    Gostei muito do seu texto, você escreve muito bem :)

    Tenho alguns textinhos sobre desapego lá no blog (Sobre a Vida), caso se interessa aqui está o link: www.pampilho-ordinario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luís, obrigado pelo comentário! Realmente concordo com você pela ótima teoria! As vezes nos apegamos a coisas muito fúteis e quando aquilo acaba criamos uma decepção muito grande!
      Obrigado! Claro, irei ver sim!
      Abraços!

      Excluir